Resenha – O Homem de Montana, de Barbara Delinsky

O Homem de Montana - ResenhaTítulo: O Homem de Montana
Título Original: Montana Man
Autor: Barbara Delinsky
Editora: Harlequin (BestBolso)
Páginas:
252
Adicione ao Skoob

Sinopse: Lily Danziger precisava de segurança. Com uma filha recém-nascida e vivendo um casamento falido, ela decidiu abandonar seu marido. Entretanto, ao ser atingida por uma nevasca durante a fuga pela estrada, sua única chance de sobrevivência ficou nas mãos de Quist, um estranho a quem dera carona. Rústico e mal-humorado, ele era o tipo de homem que não acreditava no amor. Porém, ao enfrentar a tempestade com Lily e sua filha, encontrou algo além de duas pessoas que necessitavam de sua proteção?







Banner Resenha - O Homem de Montana
Barbara Delinsky nos presenteia com uma história romântica onde encontramos uma personagem frágil, doce e ao mesmo tempo forte e corajosa, que acaba de fugir de um casamento falido e de um marido que não gosta mais dela.

Nessa viagem para uma vida diferente, Lily acaba enfrentando uma tempestade de neve e encontra na estrada um homem pedindo carona, mesmo sabendo que não deveria ajudar um estranho, Lily resolve ajudá-lo, pois estava com medo de estar somente ela e sua filha de cinco semanas naquela tempestade tão assustadora.

Quilt é um bonito caubói de poucas palavras, meio grosseirão, que após ter dormindo no volante, teve seu carro desgovernado e indo de encontro a uma árvore. Nada de grave acontece com ele, apenas a perda do carro e o fato de estar no meio de uma tempestade.

neve na estrada

Ambos, então, seguem  viagem, Lily dirigindo com dificuldade pela estrada e Quilt dormindo no banco do carona, mas assim que o carro pára e não funciona mais, imediatamente seu companheiro de viagem acorda e depois de alguns minutos verificando o que aconteceu chega a conclusão que estão sem gasolina, perdidos em um floresta durante uma nevasca e isso não é nada bom.

Começa assim a história de Lily e Quilt, que nem imaginam o quanto esse encontro inesperado irá mudar a vida de ambos para sempre.

Apesar de não ter chamado muito a minha atenção, a história é leve, bonita, sem grandes pretensões e com toques de vida real.

Vamos falar um pouco da parte técnica do livro?
A capa é simples e não possui orelhas. A diagramação está muito boa, as páginas são brancas e a fonte utilizada possui um tamanho muito bom para a leitura. O Livro possui 252 páginas divididas em 9 capítulos e o epílogo.
A tradução está excelente e o livro muito bem revisado.

Avaliação:
estrelas de avaliação 3
Outras Capas:
Barbara-Delinsky-Homem-de-Montana Mantana Man- montana man

Barbara Delinsky
Sobre a autora:
Barbara Delinsky nasceu em Boston,formou-se em Psicologia e, antes de se tornar escritora, trabalhou como fotógrafa. Seu grande sucesso se deve ao toque especial para escrever o lado íntimo das relações humanas. Barbara já ganhou diversos prêmios, dentre eles o de Melhor Romance Contemporâneo da revista Romantic Times e a Medalha de Ouro da associação Romance Writers of America.

28 comentários:

  1. Tinha ouvido falar dessa escritora, li umas coisas boas sobre os livros dela. Quero ler algo dela logo.

    Abraços

    Alef - www.floreios.net

    ResponderExcluir
  2. Oi Re! Capa bem simples mesmo, e a história parece ser bem leve exatamente como dissestes. O enredo não parece ser lá muito surpreendente, mas é romance e pra mim toda história de amor é digna. Hehehe
    Gostei muito, parceira. Vlw pela dica!

    Beijocas!
    http://foolishhappy.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Não conhecia este livro não, e pela capa não leria ele tão cedo .. haha.. Eu adoro romances, mas gosto de histórias que me prenda! E eu adorei as outras capas ;D

    xoxo
    http://amigadaleitora.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Olá,

    Vi seu blog num grupo do face e vim visitar...\o/...bem adoro essa autora e ainda não tinha visto essa obra dela...fiquei com vontade de ler, afinal gosto de histórias leves e bonitas....bem gostaria de convidar para me fazer uma visita: A Magia Real

    Beijokas Elis!!!

    ResponderExcluir
  5. Oi,Re!
    A história me parece interessante. Por se tratar de um romance, eu já lhe daria uma chance..rsss
    Bjs!
    Zilda
    Cachola Literária

    ResponderExcluir
  6. Oi Re,

    Eu gosto da autora e das obras dela, mas esse livro eu já li, eu não gostei muito, muito cheio de fraldas e bebê rsrsrs, mas a história é muito bonita.

    Bjs
    Carla

    ResponderExcluir
  7. Ah, que fofo >.< Adoro romances de banca, mas nunca li esse... Tenho a impressão de que conheço o nome da autora, mas não lembro de um livro dela em particular que eu tenha lido...

    Gostei da resenha. ^^
    E obrigado por dar uma passadinha em meu blog ;P

    Bj, flor.

    ResponderExcluir
  8. Não me interessei muito pelo enredo desse romance, ele me pareceu meio fraquinho.
    *bye*

    Louca por Romances

    ResponderExcluir
  9. Ótima resenha! Tenho muita vontade de ler Barbara Delinsky, mas acho que não começarei por esse livro. O mote não conseguiu me prender. Beijos!

    ResponderExcluir
  10. Renata,

    Tudo bem? Tinha já lido uma resenha desse livro e cada vez me interesso mais por ele.

    Ótima.

    Beijos.

    ResponderExcluir
  11. Eu adoro romance...fiquei curiosa pra saber o final da historia rsrs...
    Beijo sucesso viu!

    ResponderExcluir
  12. ESua resenha ficou perfeitinha, adorei!
    sse livro é bem fofinho, bem família, li já faz um tempinho e gostei ;)

    Bjs

    ResponderExcluir
  13. Oi!
    Adoro romances e tenho vontade de ler algum livro da Barbara. Acredito que gostaria desse.
    Parabéns pela resenha!
    Abraço!

    "Palavras ao Vento..."
    www.leandro-de-lira.com

    ResponderExcluir
  14. Acredita que nunca li nada dessa autora e tbm não conhecia o livro? Parece ser bem legal...mas vi que não chamou muito sua atenção, né?
    Beijinhos!
    Paloma Viricio-Jornalismo na Alma

    ResponderExcluir
  15. Nunca li nada desse autora e o livro parece interessante ^^
    Quem sabe um dia.
    Beijos
    Bruna-Livros de Cabeceira

    ResponderExcluir
  16. Fiquei curiosa para ver como a história termina, mas pelo fato da protagonista ter uma filhinha pequena, acho que não tem romance né. E pelo visto a história não te conquistou tanto.
    Eu não curti a capa.
    bjos

    ResponderExcluir
  17. Eu adorei esse romance, não sei se é pelo fato de eu também ter uma filha, me identifiquei em vários momentos com a Lily e sua luta para salvar a sua vida e a de seu bebê, e ao mesmo tempo tendo sentimentos conflitantes em relação ao Quist. Tenho o livro com a capa da Harlequin - a bege com chapéu - acho charmosa.
    Beijos... Eis Culceag.
    Arquivo Passional

    ResponderExcluir
  18. Oi Renata!
    Já li livros dela, faz um tempo, esse não parece ser um dos melhores, ela tem alguns bem mais elaborados.
    Parabéns pela resenha.

    Bjos!

    Cida

    ResponderExcluir
  19. Como adoradora de romances de banca, eu já li esse livro e achei ele bem bonitinho.
    Acho que tem outros livros dela bem melhores, mas esse também é legal.
    O que eu tenho é com a capa com o chapéu.
    Bjs pink pra ti

    ResponderExcluir
  20. Oii (:
    Não gostei muito da capa, mas acho que adoraria o livro se o desse uma chance. Li "A felicidade mora ao lado" da autora, e não me arrependo, é um livro ótimo e encantador, adorei mesmo, aposto que esse também seria uma leitura agradável entrará para a minha lista.
    Beijo!

    ResponderExcluir
  21. Adorei a resenha, mas me pareceu ser uma história meio "parada". De todo modo fiquei com uma pequena curiosidade sobre qual o acontecimento que muda a vida de Lily e Quilt.
    Beijoca.
    Let It Shine

    ResponderExcluir
  22. Eu adoro livro de banca, devoro todos e esse vou querer ler com certeza.
    Vou dar uma olhada na página da harlequin

    Bjs
    Tiana

    ResponderExcluir
  23. I love books!Cool blog. What about following each other?

    ResponderExcluir
  24. margarete12:23

    ja li...mas nao me lembro da capa..mas da leitura sim...gostei leve...romantico...recomendo....delicioso....

    ResponderExcluir
  25. Fiquei com raiva de mim mesmo por nao estar seguindo seu blog...abraços...

    Me visita?
    Guilherme Kunz
    http://tematoa.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  26. Barbara Delinsky é ótima mesmo, suas histórias são cativantes, cheias de fascínio, impregnadas de romance e com toques de realidade. Boa resenha, ainda não li esse livro. E, quero muito ler.
    Gostei do seu blog. Estou seguindo. Segue o meu também? diario-da-leitura.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  27. Já de cara gostei do Quilt (^_^) apesar dele ser grosseirão! (palavras usadas na resenha, ainda não sei de nada! huahua)
    Adoro livros que tenham uma mocinha frágil e doce e ao mesmo tempo forte e decidida, afinal é preciso muita coragem pra abandonar o marido com um bebê recém nascido nos braços em plena tempestade né!?

    Também acho que mesmo o Quilt sendo assim, vai acabar mostrando um lado protetor pra ajudar os necessitados (no caso "as necessitadas"). O final, só lendo a sua resenha, me parece bem previsível, o que pra mim é ótimo! Quero muito saber como eles vão se sair dessa enrascada e o que acontece com o marido abandonado O.O

    Adorei a resenha!! n_n

    ResponderExcluir
  28. Apesar de adorar Barbara Delinsky, ela tem seus altos e baixos tanto em livros de livraria qto nos de banca... e O Homem de Montana é o ponto alto!!!

    ResponderExcluir