segunda-feira, dezembro 09, 2019

#EscutaEssaTirinha‬ 0202 – Preparando a lista de leitura


O ano está acabando e a gente já começa a preparar a lista de leitura para o ano que vem #MuitoLivroPoucoTempo #QuemNunca?

quarta-feira, dezembro 04, 2019

Resenha - Uma Loucura e Nada Mais, de Mary Balogh - Editora Arqueiro

Título: Uma Loucura e Nada Mais (The Escape)
Série Clube dos Sobreviventes 03
Autor: Mary Balogh
Editora: Arqueiro
Sinopse: Depois de sobreviver às guerras napoleônicas, Sir Benedict Harper está lutando para seguir em frente e retomar as rédeas de sua vida. O que ele nunca imaginou era que essa esperança viesse na forma de uma bela mulher, que também já teve sua parcela de sofrimento. Após a morte do marido, Samantha McKay está à mercê dos sogros opressores, até que planeja uma fuga para o distante País de Gales para reivindicar uma casa que herdou. Como o cavalheiro que é, Ben insiste em acompanhá-la em sua jornada. Ben deseja Samantha tanto quanto ela o deseja, mas tenta ser prudente. Afinal, o que uma alma ferida pode oferecer a uma mulher? Já Samantha está disposta a ir aonde o destino a levar, a deixar para trás o convívio com a alta sociedade e até mesmo a propriedade que é sua por direito, por esse belo e honrado soldado.



A Série Clube dos Sobreviventes vai contar a história de um grupo de amigos que sobreviveu a guerra e que se uniram para tentar se recuperar dos problemas que a guerra deixou em cada um deles. Todo ano esses amigos se encontram na Cornualha, em Penderris Hall, propriedade de George Crabbe que também tem sua cota de sofrimento

Uma Loucura e Nada Mais, da autora Mary Balogh, é o terceiro livro da série publicado pela Editora Arqueiro aqui no Brasil. Nesse terceiro livro teremos a história de Sir Benedict Harper e Samantha McKay, dois sobreviventes dos infortúnios da guerra.

Sir Benedict literalmente é um sobrevivente da guerra napoleônica, sua vida sempre foi voltada para a sua carreia, sonhando em ser general e seguir carreira, mas a guerra acabou com os seus sonhos quando voltou sem conseguir andar muito bem, e com muito esforço consegue andar de muletas. Benedict acredita que tudo vai voltar a ser como antes, que vai ficar bom e vai voltar a ser um soldado, mas o tempo passa e Benedict tem que seguir em frente e encarar que seu sonho não vai ser realizado, que não tem condições de voltar a ser um soldado.

Mesmo tendo um irmão que cuida dele com o maior carinho, Ben precisa ficar um pouco longe de tudo e decide ir para a casa da sua irmã, pensar na sua vida e tentar colocar tudo em ordem.
Ele aproveita um momento para andar a cavalo, pois conseguiu melhorar bastante e, no momento em que ele ousa e pula uma moita, quase esmaga um moça e um cachorro. O susto é grande e acaba estragando um pouco o momento de Ben, que estava bem feliz antes do incidente. Por causa do susto e tudo mais, ele acaba sendo grosseiro com a moça, vai embora, mas depois se arrepende.

Samantha McKay é a moça que Ben quase esmaga com seu cavalo, e ela também tem uma história de vida bem sofrida. Quando jovem ela se apaixonou por um lindo rapaz e logo se casaram, mas o que ela não sabia era que o marido não valia nada. No primeiro ano de guerra ela o acompanhou, no segundo ela ficou na casa do sogro e quando seu marido retornou gravemente ferido, ela teve que cuidar dele, por logos cinco anos, até a sua morte.

Samantha ficou com o sogro durante um tempo, mas as normas do luto e a maneira rigorosa com que o sogro queria tudo, fez com que Samantha se sentisse extremamente sufocada (até a sua cunhada não colaborava e acabou se tornando também um chata).

Samantha decidiu que o melhor seria fugir de toda essa situação opressiva e seguiu viagem para o país de Gales, onde supostamente sua tia teria deixado uma casa de herança.

Apesar do primeiro encontro de Ben com Samantha não ter sido nada bom, eles acabam criando um laço de amizade, ambos são sobreviventes das consequências da guerra, possuem seus traumas e lutam para deixar tudo isso para trás e seguir com uma nova vida. Eles anseiam por novos ares, viver uma vida longe de tudo e de todos, e quando essa amizade improvável surge entre eles, ambos se apoiam um no outro e seguem juntos um novo rumo, onde talvez essa amizade se transforme e algo muito maior.

Estou bem curiosa para ler o próximo livro (como sempre)

Vamos falar um pouco da parte técnica do livro?
Na capa temos a imagem de uma moça com roupa de época, em um recorte que remete a lembrança de um camafeu. A capa é toda fosca com aplicação de verniz (brilho) no título do livro, na foto e no nome da autora. A diagramação interna é simples, mas muito bem cuidada. As páginas foram impressas em papel off-white, o que suaviza a leitura e não cansa os olhos. O livro possui 272 páginas divididas em 24 capítulos.
Parabéns para a editora Arqueiro pelo belo trabalho.

Os livros da série Clube dos Sobreviventes são:
1 – Uma Proposta e Nada Mais (The Proposal) (Gwen e Hugo)
1.5 – The Suitor
2 – Um Acordo e Nada Mais (The Arrangement) (Sophia e Vincent)
3 – Uma Loucura e Nada Mais (The Escape) (Samantha e Benedict)
4 – Uma Paixão e Nada Mais (Only Enchanting)(Agnes e Flavian)
5 – Only Promise
6 – Only a Kiss
7 – Only Beloved

Capas estrangeira:
   


Sobre a autora: Mary Balogh nasceu e foi criada no País de Gales. Ainda jovem, se mudou para o Canadá, onde planejava passar dois anos trabalhando como professora. Porém ela se apaixonou, casou e criou raízes definitivas do outro lado do Atlântico. Sempre sonhou ser escritora e tinha certeza de que, no dia em que escrevesse um livro, ele seria ambientado na Inglaterra do Período da Regência. Quando sua filha mais nova tinha 6 anos, Mary finalmente encontrou tempo para se dedicar ao antigo sonho. Depois de três meses escrevendo na mesa da cozinha, a primeira versão de sua obra de estreia estava pronta. Publicada em 1985, deu a Mary o prêmio da Romantic Times de autora revelação na categoria Período da Regência. Em 1988, depois de vinte anos de magistério, ela passou a se dedicar apenas aos livros.
Hoje Mary Balogh é presença constante na lista de mais vendidos do The New York Times e vencedora de diversos prêmios literários.

segunda-feira, dezembro 02, 2019

segunda-feira, novembro 25, 2019

#EscutaEssaTirinha‬ 0200 – Procurando as promoções


Chegou a hora de procurar as promoções da black friday (e torcer para que as moedinhas dêem conta) #partiupromoção?

terça-feira, novembro 19, 2019

Lançamentos Literários - Editora Arqueiro

Hoje trago os lançamentos maravilhosos publicados pela Editora Arqueiro nesse mês de Novembro!

Mesclando narrativas do presente e do passado, A Sala das Borboletas mais uma vez mostra a habilidade de Lucinda Riley para criar uma saga familiar inesquecível..

Em Acerto de Contas, de John Grisham, os segredos e as mentiras, os preconceitos e a culpa transformam a vida de pessoas inocentes e determinam o futuro de toda uma família..

Escrito na tradição de O dia do chacal e A identidade Bourne, O Golpe, de Christopher Reich, é uma viagem elegante, cheia de estilo e de tirar o fôlego.

Apenas um Olhar, de  Lisa Kleypas, é o quinto livro da série Os Ravenels. Que conta a história de Phoebe, uma viúva ainda jovem, que já viveu um grande amor e não cultiva mais ilusões românticas. Agora, ela precisa ser prática – e cuidar dos dois filhos pequenos e da propriedade da família. Mas quando vai passar alguns dias no Priorado Eversby, a bela dama se surpreende ao conhecer um cavalheiro incrivelmente charmoso.

Comemorando 10 anos de lançamento, Se eu Ficar, de Gayle Forman, se mantém como uma história atemporal sobre dor e esperança, amor e memória, e sobre as escolhas que devemos fazer quando tudo parece perdido. Edição comemorativa. Incluiu conto extra. 

Um dos maiores sucessos de Nicholas Sparks, A Última Música é uma verdadeira celebração de todos os tipos de amor, desde a paixão do primeiro romance e a afeição entre pais e filhos até a devoção à música. 

Gostaram dos lançamentos?       
Vamos saber mais um pouco sobre eles?

segunda-feira, novembro 18, 2019

#EscutaEssaTirinha‬ 0199 – Guardando as moedinhas


A black friday vêm aí, será que as moedinhas que a gente juntou durante o ano todo vão dar conta?