sábado, fevereiro 08, 2020

Resenha - Romance Entre Rendas, de Loretta Chase - Editora Arqueiro

Título: Romance Entre Rendas (Dukes Prefer Blondes)
Série As Modistas 04
Autor: Loretta Chase
Editora: Arqueiro

Sinopse:
 Que lady Clara Fairfax é dona de uma beleza estonteante, Londres inteira já sabe. Mas a fila de pretendentes que bate à porta de sua casa com propostas de casamento já está irritando a jovem. Cansada de ser vista apenas como um ornamento, Clara decide afastar-se um pouco da alta sociedade e se dedicar à caridade. Um dia, numa visita a uma obra social, ela depara com uma garota em perigo e pede ajuda ao alto, sombrio e enervante advogado Oliver Radford. Radford sempre foi avesso à nobreza, mas, para sua surpresa, pode vir a se tornar o próximo duque de Malvern. Embora queira manter sua relação com Clara no campo estritamente profissional, aos poucos ele percebe que ela, além de linda, é inteligente, sensível e corajosa. E quando a perspectiva de casamento se aproxima, tudo o que Radford pode fazer é tentar não perder a cabeça por Clara. Será que a herdeira mais adorada da sociedade e o solteiro menos acessível de Londres serão vítimas de seus próprios desejos?



Romance Entre Rendas 
é o quarto livro da série As Modistas da autora Loretta Chase, publicado pela Editora Arqueiro aqui no Brasil, e vem pra fechar com chave de ouro, já deixando aquela sensação de saudade. Sempre quando termino uma série fico com aquele sentimento de fim de festa, que a gente quer mais, porém acabou... Dá uma peninha enorme de encerrar uma série, ler o último livro e fechar as portas para aqueles personagens, mas tenho que confessar que a série foi boa demais e vai ficar na memória!

No quarto livro temos a história de lady Clara Fairfax, que apareceu nos outros livros e que já conhecemos um pouco. A jovem mais bela e adorada de Londres, tão bela que os rapazes brotam como amendoeiras na porta da sua casa, cheia de pretendentes entusiasmados em corteja-la por sua beleza e que nem mesmo se interessam em conhece-la realmente, seus sentimentos, seus gostos... Enfim, se importar um pouco em como ela é de verdade. Clara está irritada e cansada dessas propostas vazias, ela quer muito mais para a sua vida e para fugir um pouco disso tudo, se dedica a caridade. Em um momento desses ela decide ajudar a encontrar o irmão de uma dessas damas que ela ajuda e para isso ela vai entrar em contato com um advogado.

Clara descobre que esse advogado é nada mais, nada menos, que Oliver Radford, um conhecido seu de muitos anos atrás. Eles se conheceram ainda crianças em um momento que marcou a vida de ambos e reencontrá-lo foi como uma lufada de vento fresco na sua vida.


Oliver Radford é um belo homem de cabelos negros e olhos cinzentos, um excelente advogado, mas, naquela época, ter uma profissão e trabalhar é coisa de gente de segunda classe, que não tem linhagem e tudo mais, porque os duques e condes da vida, não trabalham nunca, estão sempre herdando alguma herança ou um condado, casando com uma mulher com um excelente dote e por aí vai (nesse momento lembrei da série Norte e Sul, onde o John Thornton é dono de uma fábrica textil e as pessoas da aristocracia não o veem com bons olhos..., pois ele é um "trabalhador". Pra quem ainda não viu essa série, super recomendo)

"Clara sabia o que uma mulher deveria fazer quando um cavalheiro tentasse tomar liberdades. Ela deveria lutar e defender sua honra com todas as forças. Quem quer que tenha criado essa regra jamais fora beijada por Radford. Sua boca pressionou a dela e coisas estranhas aconteceram em sua cabeça e se espalharam por seu corpo. Ela foi invadida por sensações que desconhecia, e todas as regras de como ser uma dama, descritas de modo específico num grande livro em seu cérebro, desapareceram.
Ela não o afastou. Manteve aquele beijo com toda a firmeza possível e retribuiu da melhor maneira que pôde, dada sua limitada experiência.
Que era nenhuma.."

Clara e Radford unem suas forças em busca do menino que está desaparecido e é nesse momentos que eles passam a se conhecer melhor e a gostarem um do outro. A atração entre eles é palpável, mas Radford não quer se aproximar, pois sente que não está a altura de Clara. Mas quando as coisas começam a mudar e tudo indica que Clara talvez tenha que casar um um primo que não vale nada e que Radford detesta, finalmente vai cair a ficha e Radford vai correr atrás do prejuízo para tentar conquistar a sua amada. Convencer os pais dela de que ele é um bom partido para Clara, vai ser trabalhoso e Clara vai ajudá-lo. Uma bela cena essa.

Confesso que essa história é bem redondinha, com algumas reviravoltas no final, onde Radford pode fazer parte da aristocracia sem ser através do casamento com a Clara.
A história é muito lindinha, recheada de muito amor, aventuras, perseguições e com um final que vem pra dar a volta por cima! 

Essa é daquelas histórias que digo "leiam por favor" é boa demais!!

Vamos falar um pouco da parte técnica do livro?
Na capa temos a imagem de uma moça sentada com as mãos no colo. A capa é toda com aplicação de verniz (brilho). A diagramação interna é simples, mas muito bem cuidada. As páginas foram impressas em papel off-white, o que suaviza a leitura e não cansa os olhos. O livro possui 320 páginas, dividido em 21 capítulos, prólogo, epílogo, nota final, agradecimentos e sobre a autora.
Parabéns para a editora Arqueiro pelo belo trabalho.

Os livros da série As Modistas são:
01 – Sedução da Seda
02 – Escândalo de Cetim
03 – Volúpia de veludo
04 – Romance entre Rendas


Capa estrangeira:


Sobre a autora: Loretta Lynda Chekani nasceu em 1949 numa família albanesa. Assim que aprendeu a escrever, passou a pôr no papel as histórias que inventava. Formou-se em inglês pela Clark University, onde trabalhou meio período como professora, ao mesmo tempo que escrevia roteiros. Foi quando conheceu um produtor que a inspirou a publicar suas histórias. Os dois acabaram se casando. Com o sobrenome do marido, Loretta Chase vem publicando romances históricos desde 1987, pelos quais ganhou vários prêmios, inclusive o RITA, da Associação Americana de Escritores de Romances, por O príncipe dos canalhas.



2 comentários:

  1. Oi! Eu gostei muito dessa série mas esse livro é o que eu menos gostei. Adorei a Clara, mas acho que esperava mais da obra dela infelizmente.
    Beijo!
    https://www.capitulotreze.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Oi, Renata como vai? Excelente a resenha. Este livro deve ser muito bom, embora este gênero não consiga me cativar por completo. Abraço!


    https://lucianootacianopensamentosolto.blogspot.com/

    ResponderExcluir